segunda-feira, 31 de março de 2008

A arte de desagradar

Imaginem uma pessoa que consegue desagradar à primeira, à segunda e à terceira vista. Essa pessoa se chama Aline e está a vos escrever neste momento.

Sim, já ouvi de tudo: pedante, arrogante, metida, patricinha etc... ih, existe uma infinidade de adjetivos a mim imputada pelas línguas alheias. Uma das últimas pérolas que soube foi a de um conhecido gay: ele falou pra um amigo que eu era uma “azia”.
Ri.
Isso me fez lembrar a minha música: “ela é pró na arte de pentelhar e aziar / é campeã do mundo”. Quem conhece Raimundos, sabe.

Mas hoje tive ciência de uma coisa que me deixou deveras intrigada... uma suposta amiga de faculdade disse que não suportava o meu ar-de-superioridade. Achei tenso.
Até consegui manter a calma, mas vindo de quem veio confesso que me chateou bastante. Enfim, cada um é livre pra pensar aquilo que bem entender, certo?

Eu não me considero uma “menina-nojinho”, que acha que sabe tudo ou afins. Pelo contrário, tenho o maior prazer em ser simpática com todo mundo e, se eventualmente sei mais que alguém sobre determinado assunto, tento abordar a questão com a maior humildade e respeito.

O problema é que muitas pessoas falam /pensam mal de mim e o fazem essencialmente por 3 motivos: 1. por não me conhecerem bem; 2. por recalque; 3. pelos dois motivos em conjunto.
E aí, serei muito franca... que morram todos de coceira por oxiurius.
Porque preconceito mata. E recalque também.
^^

12 comentários:

««§εмф†ϊvф»» disse...

Boaaaaa!!! Isso aí! Essa gente que fica falando essas coisas só por iveja, pois tens conteúdo, qualidade difícil de se achar hoje em dia.

E,pima esse nariz e vamos que vamos! Gosto de vc do jeito que vc é!

Grande abraço.

azia... kkkk ri demais aqui !!!uahauhauhau

Ray

Daniel disse...

Pra mim, vc não é chata não. Só fala aquilo que pensa; aliás, eu gosto de vc por essa característica, vc não tem medo de falar; não quer paracer politicamente correta, e isso é uma coisa em falta nas pessoas hoje em dia, que é falar o que pensa. Como vc disse, cada um é livre pra pensar o que quiser. Sinal de madureza e inteligência de sua parte. Bjus e boa semana.

lucas disse...

hahahahaha... recalque é ótimo!!
relaxa fada, caso não seja recalque é no mínimo defesa maníaca!!!
e jamais deixe de escrever!
=:D

TOOP disse...

ô gente recalcada!
Por aqui tem destes ás pencas!!!!
Mas não liga não... é sempre bom dar umas risadas deles.
:)

Marcelo Martins disse...

Pois trate de continuar sendo fiel ao que voc~e é, e o povo que te respeite.
Todo mundo tem as suas chatices, isso é normal.
Eu tenho as minhas e tem dias que nem eu me suporto.
Acho que o importante é saber dosar isso e reconhecer em nós as nossas próprias chatices e defeitos para procurar melhorar e seguir em frente sempre fiel á nossa ess~encia.

Beijocas.

Ah, sim...Seu nome é LINDO!!! =)

Iara Alencar disse...

Vire e mexe alguém me chama de chata..rsrsrs
Mas eu deixo pra lá, detesto puxação de saco.

Erika disse...

Isso é bem complicado quando sai da boca de quem a gente gosta. Mas opinião é que nem cu!
É chato quando todo mundo parece ter a mesma opinião sobre a gente. Falar que isso não faz diferença é mentir pra si própria, mas dizer que isso faz toda a diferença do mundo, é exagero.
Então, relaxa! As pessoas tendem a falar mal de quem invejam, a criticar o que querem!

Bjos e t+

AndreM disse...

KKKKKK "que morram todos de coceira por oxiurus!"
Suas pragas são ótimas!!!!

TOOP disse...

lhe deixei um mimo no Toop.
um selo moça.
;)

Claudinha disse...

Hahaha! Pois eh Lih... Esse tipo de julgamento superficial não deve sequer ser considerado. Bem, provavelmente, no teu lugar eu me chatearia tambm se uma "amiga" tivesse essa opinião... Mas a questão eh q tu t conhece suficiente bem para saber q isso eh soh intriga da "oposição", né?? Bem, a questão aki eh soh seguir em frente guria... O findi ta aí! Aproveita!Bjs!

Leticia disse...

Mooram dcoceira por oxiurius é ótimo!kkkk

Julga muito , geralmente, quem conhece pouco.

Leonardo Curcino disse...

posso estar tremendamente errado, mas nao é essa a impressao que tive de vc. te achei muito simpatica e uma pessoa daquelas que deve ser legal sentar e conversar por horas.

nao ligue pro que as pessoas dizem. ja sofri muito com isso, mas hoje nem ligo mais!
:*