segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Inevitável

Sabe quando você percebe que as coisas já não têm mais jeito?

É assim, como um ente querido que tem câncer em estado terminal: você o ama, não quer que ele morra, não quer se separar dele, mas sabe que é inevitável e iminente a dor da separação.

Pois é dessa forma. Há coisas que simplesmente não têm remédio.
E o que não tem remédio, remediado está.

6 comentários:

Harry disse...

Eu a entendo plenamente...

Camila disse...

Nossa amiga que profundo!

minicontosperversos disse...

entrei no teu quarto
vc não tava
abri seu diário
de atrevido que era
mas...

manda embora
say good bye

Daniel disse...

É clichê mais é verdade: "É a vida!". Bjus e boa semana.

http://so-pensando.blogspot.com

«« ڱemöґïvö »» disse...

Poucas palavras e disse tudo. Goso desse se estilo de escrever. Realmente inevitável... =/
só no resta esperar o tempo curar...
Beijos e melhoras

Ray

Mr. Jairo Souza disse...

pois e...
existemcoisas na vida q agnt apenas aceita
nao questionar acaba sendo um modo de defesa da gnt para nao nos magoarmos mais ainda!