segunda-feira, 14 de abril de 2008

Mulheres

Cativam-me as mulheres que são várias, aquelas que não se cansam de não saber quem são.

Aquelas que não querem que ninguém lhes diga os acertos, defeitos ou malícias.

Porque as palavras pronunciadas poderiam limitar alguma delas de ser outra no minuto seguinte, caso tomasse consciência do significado.

Encanta-me a mulher que não fadiga em ser diferente a cada dia.

A mulher que vai à padaria não é a mesma que senta com as amigas no boteco da esquina.
Mesmo que vá com a mesma roupa, no mesmo dia, já não é mais a mesma.

A mulher que calça saltos altos para ir à balada não é a mesma que acorda de rímel borrado com medo de que não haja ligação do dia seguinte.

E são novas a cada próximo passo, a cada gole, a cada amasso no cara errado.

As mulheres que estão em mim são assim: uma se preocupa com o espelho, a outra, com os livros que leio.
.
.
.
*Esse texto não é meu. Não costumo publicar textos de terceiros, mas este achei aqui e por algum motivo me identifiquei demais.

8 comentários:

Leonardo Curcino disse...

bonito isso! gosto de vir aqui e ler seus posts. vc deve ser daquelas pessoas legais de se conversar e tudo mais.

nao sou de fazer isso (na verdade nunca fiz), mas se me permite a ousadia, poderia me adicionar no msn pra jogarmos conversa fora (e trocar experiencias). seria agradavel. é l_curcino@hotmail.com. ;) se nao se sentir a vontade pra me add, tambem vou entender. beijo. boa semana! prometo que essa semana eu posto de novo!

TOOP disse...

ou seja: mulheres com conteúdo!
E tbm me encanto por pessoas compersonalidade forte e um grande coração!

*sim,sim...elaborando uma vingança básica! :)

Segunda a Sexta disse...

Então faz assim, começa a andar com um kunai na bolsa.

Hahahahahha

Beijo!

Segunda a Sexta disse...

Hahhahahaha comment no blog errado!!!!

Desculpa eu e apaga aí!

hahahahahahhahahahahaha

tô ficando doido!

Beijo!

sieger disse...

Mulher sempre será sinonimo dedelicadeza e de força!!

Daniel disse...

Mulher é tudo de bom e mais um pouco rsrsrs Bjus.

««§εмф†ϊvф»» disse...

;P
Relamente este texto é demais hein.. puxa vida, resumiu tudo em algumas linhas. deve ser por isso que somos seres tão complicados... uahauhauhau

beijo

Ray

Pan disse...

Olá, mocinha... Desculpe-me o sentimento de posse, mas o texto é meu. E, apesar da posse, fico felicíssima da vida em ver que ele é meu, mas não só meu...

=*