quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Momentos emocionantes – Retrospectiva 2007

Momento retrô 2007:

Janeiro – Começando pelo Reveillon: paguei horrores num jantar mega elegante [no qual eu decidi ir de última hora] no Sun Valley, mas na verdade mal comi aqueles trecos esquisitos. Além disso, também não fiquei breaca o suficiente a ponto de acompanhar a alegria dos outros indivíduos que se encontravam no recinto, ou seja, meu último Reveillon foi um pé-no-saco. Ainda exercitei meu lado cleptomaníaca e ao final do evento subtraí uma bolinha de vidro da decoração. Deprimente.

Fevereiro – Carnaval na praia. Achei que seria uma viagem tensa, mas no final foi uma das melhores que já fiz. Ceva gelada na beira da praia durante toda a tarde com direito a shows de axé na maior animação: não tem preço!
Em fevereiro também comecei estágio em outro escritório. Lá a administração tinha uma rigidez semelhante à dos regimes militares. Logo, o local foi apelidado carinhosamente de “escrotório”.

Março – As aulas na faculdade começaram de vez e foi o primeiro e único semestre em que eu estudei a noite. Aula era uma lenda: todo mundo ia pro bar beber, o que por si só justifica a notória fama boêmia dos estudantes de Direito.

Abril – Páscoa. Nhammm, delícia. Ganhei um cestão lindo de chocolate, com direito até a rosas e coelhinho de pelúcia. Enfim, a Páscoa foi fofa e de tanto me entupir de chocolate, fiquei um pouco fofa também.

Maio – Início da contagem regressiva pro meu níver. Todo ano é assim: para mim o mês de maio é sempre o mês de ficar na expectativa.

Junho – Meu níver foi lindo. Sminf! Teve festa surpresa, compras no shopping, declarações apaixonadas, ligações inesperadas, baladinhas, presentes, entre outras coisas. Tudo-de-bom. Assim fica gostoso ficar mais velha, huh?

Julho – Férias da facul, mas não do estágio... Inferninho puro! Aliás, aquilo tava mais pra “teste-até-onde-agüenta-a-sua-paciência” do que propriamente um estágio.

Agosto – Pedi as contas do estágio-inferninho uma semana depois de uma amiga louca mandar a nossa chefe tomar naquele lugar. Fiquei na maior deprê por não ter agüentado a barra, mãns... era o escrotório ou eu. E eu, claro, optei pela conservação da minha sanidade mental, o que só seria possível se eu saísse dali o quanto antes.

Setembro – Não foi apenas o escritório que esgotou minha paciência. Então, iniciou-se uma nova fase: Aline todos os dias na balada, festando, bebendo, conhecendo gente nova, enfim, período de badalação total.

Outubro – Finalmente tomei coragem e passei a dirigir com uma freqüência maior. Resultado: bati o carro. Hahaha. Pelo menos hoje sou muito mais atenta no trânsito [aliás, pra quem não sabe, eu morro de medo de dirigir. E de ser atropelada também].

Novembro – Fim das aulas, notas quase todas fechadas. Em compensação, por pouco não estourei o limite de faltas desse ano letivo. Viagens e viagens, dessa vez fui pra Londrina e consegui perder o ônibus na volta. Loucura total.

Dezembro – Tadã! Chegou o Natal e com ele toda aquela baboseira de sempre. O espírito natalino não resolveu em nada os meus problemas e nem o Noel me trouxe qualquer presente na Noite Feliz. Enfim, mais um ano acabando, mais outro ano começando e eu nem sei ainda o que vai ser do Reveillon de 2008. Provavelmente será enchendo a cara sozinha ou com algum[ns] amigo[s] tão breaco[s] quanto eu. E invejando minhas amigas que foram pra praia, bem como praguejando contra todos aqueles malditos casais apaixonados que ficam fazendo juras de amor eterno à meia-noite do dia 1º. Ahhh, poupem-me, né. Todos pro inferno.
E que venha então 2008.

9 comentários:

lucas disse...

que ano hein!?!?!
espero e torço por um ano novo bem melhor pra ti... muito mais porque tu merece todos os dias ótimos, até mesmo porque tu fez meu ano não ser apenas mais um mas sim o ano.
bem, boas festas e até ano que vem pois estarei na praia também desejando que os casais apaixonados vão para o inferno ou algo similar.

Daniel disse...

Ano interessante este seu não?! rsrsrs Que venha 2008! E que ele veja cheio de harmonia, paz e felicidade pra vc. Bjus.

Segunda a Sexta disse...

Acalme-se. Em 2007, primeiro de janeiro, estava terminando com minha ex-namorada.

A que música você se referia no meu blog? A do clipe ou a adaptação do The La's (Timeless Melody)???

Beijão!

sieger disse...

2007 foi um ano de baladas...
E que venha 2008!!!

Iara Alencar disse...

OI Lih...nossa nem consigo fazer uma retro de meu 2007, será que eu vivi mesmo?

felicidades;

Daniel disse...

Tem um texto lá no O Arroto que eu queria que vc desse uma lida. Bjus e feliz ano novo.

Daniel disse...

Ei guria, vamos para de priguiça e atualiza logo esse blog! rsrsrsrs. Bjus.

Daniel disse...

Quando vc voltar, além de ir lá no O Arroto, saiba que vc estar convidada a visitar este blog aqui:
http://blues-e-cia.blogspot.com/

Bjus.

Erika disse...

nossa, acho que se eu fizer uma retrospectiva dessa no meu blog não vai ser tão emocionante como a sua!

adorei.

e bom 2008 pra você.